BEDA #14 – Indicamos: Kenji

E aí pessoal, tudo bem com vocês? Aproveitando a postagem no BEDA de hoje e fazer uma indicação, de outro mangá que queria indicar há muito tempo para lerem, Kenji.

beda 14 blog everyday april abril 2017 opm comentarios analise review kenji manga


BEDA #14

Kenji é um mangá criado pela dupla Yoshihide Fujiwara, responsável pela arte e Ryuchi Matsuda, responsável pelo roteiro. Ele saiu pela Shonen Sunday de 9 de dezembro de 1987 até 8 de janeiro de 1992, totalizando 202 capítulos e 21 volumes encadernados.
O mangá nunca recebeu nenhum tipo de adaptação.

A história segue a vida de Kenji Goh, um adolescente que pratica a arte marcial do Bajiquan desde criança, ensinado por seu avô. Durante o mangá e seu treinamento, ele encontra alguns artistas marciais da vida real (como Adam Hsu e Liu Chia-Ling). Este mangá primeiramente apresenta o Bajiquan, mas também nos mostra muitas outras artes marciais, como Tanglangquan, Baguazhang, Chen Taijiquan, Piguaquan, Xingyiquan, Xinyiliuhequan, Shaolinquan, Hung Gar, Daito Ryu Aikijujutsu, Shotokan Karate e muitos outros e numerosos estilos.

 

beda 14 blog everyday april abril 2017 opm comentarios analise review kenji goh manga bajiquan kung fu

Vocês não vão querer brigar com ele

 

Por que vale a pena ler Kenji?

Gosta de Kung Fu? Então já leia, pois é o mangá que melhor aborda o Kung Fu dentre todos os que eu li. As lutas são muito verissímeis, você percebe que são movimentos de artes marciais de verdade, é uma aula de Kung Fu que dura 21 volumes em que nele o leitor aprende sobre história do Kung Fu. Origem de alguns estilos de artes marciais, relação Japão x China pós 2ª Guerra Mundial, comunismo e o Kung Fu, e por aí vai.
As bases de vários estilos, principalmente o Bajiquan, que é a mais abordada na história, é muito bem mostrada. A evolução de Kenji como lutador de Kung Fu e como pessoa é fantástica, ela tem uma verossimilhança que eu não vi nem em filmes de Kung Fu.

Claro que as lutas precisam ser boas, e elas funcionam, as lutas de Kenji não devem em nada para outras histórias de artes marciais. Elas são verossímeis, conforme comentei antes, são empolgantes e melhoram à medida que o protagonista vai evoluindo junto.
A jornada de Kenji é um dos pilares do mangá, porque não é só ele treinando, é um longo caminho que envolve uma viagem que vai do Japão até a China, que conhecemos uma parte considerável do país.

 

beda 14 blog everyday april abril 2017 opm comentarios analise review kenji goh manga bajiquan kung fu

Cada detalhe do movimento, algo que não costuma acontecer nas histórias

 

Kenji é dita por alguns, algo que acredito, uma história baseada na própria vida de Ryuchi Matsuda, que foi um grande artista marcial. Tanto ele quanto Kenji, são quebras de uma barreira que é a das artes marciais chinesas no Japão. Japão e China têm relações muito problemáticas, esse tipo de aproximação é importante para os dois países em todos os aspectos, dando um pitaco sem saber muito. Claro que o autor e a obra não mudaram completamente o panorama. Mas são provas que existe espaço pro Kung Fu no Japão e para os japoneses no Kung Fu. Não é só Karatê, Judô e Sumô que os japoneses gostam. Kung Fu também tem seu espaço. Dragon Ball, Hokuto no Ken e também Kenji são excelentes homenagens às artes marciais chinesas.

Fiquem com vídeos do Ryuchi Matsuda praticando Bajiquan.

Comentários Finais:

– Ore Monogatari!!! deve vir mais tarde.

– Depois do que escrevi sobre minhas influências e Hokuto no Ken, tinha que escrever sobre Kenji.

Então é isso. Comentem o que acharam dessa postagem, se gostaram ou não, podem comentar. Mandem críticas e sugestões de tema, caso tenham. E até a próxima pessoal.

Curta o Otaku Pós-Moderno no Facebook | Siga o Otaku Pós-Moderno no Twitter

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s