Versão Brasileira: Terra Formars 4 – JBC

Oi pessoal, tudo bem com vocês? Dessa vez com um intervalo de tempo bem menor, vamos falar de Terra Formars de novo?


Terra Formars Volume 4

Aqui temos a história dividida em 3 partes. Primeiro as lutas do Akari e a Michelle(não sei porque insistiram em chamá-la de MICHEL, ainda mais aqui onde só homem se chama Michel). A parte da equipe 3, liderada pelo Sylvester Asimov, que é a capa deste volume. E um início da história do Adolf.

As lutas do Akari e da Michelle foram as melhores partes de ação do volume, onde foram dois ótimos combates que tiveram uma boa ação, estratégia e também participação boa de suporte do Alex, que combinando sua transformação com baseball foi bem estiloso. Também serviu pra deixar claro uma vantagem que os humanos têm sobre as baratas, experiência. E é coisa minha, mas eu gostei de ver o Akari falando que o Thien(ele se referiu a ele como o homem que tinha o procedimento do gafanhoto) como mais forte que o terraformar.

Já a parte da equipe 3, tivemos o Sylvester Asimov(nossa, quanta referência) e o Ivan como destaques. Ambos mostrando que realmente as habilidades daqueles que não têm insetos como base são das mais variadas. Achei o capitão russo um personagem bem carismático e bem construído. Ele é bem feito visualmente, ele tem habilidade interessante, tem personalidade e tem uma construção que permite ser simpático a ele e torcer para que as coisas deem certo para ele. Ivan também é outro bom personagem para um secundário em termo de habilidade e personalidade.

Aliás, referência é o que não falta em Terra Formars, primeiro pelos nomes dos volumes e dos capítulos, depois por frases e citações que acontecem bastante. Eu me sinto o Capitão América a cada referência que pego.

E apesar de Terra Formars ser um mangá bem violento e que se leva muito a sério, também tivemos momentos de quebrar o gelo, e a comédia rápida no mangá não foi ruim. Foi básica e eficiente, com boas tiradas e timing legal.

Quanto ao Adolf, prefiro falar sobre ele no próximo volume já que o foco será dele. Mas já dá pra dizer que é um sujeitinho bem azarado.

Comentários Finais:

– Foi um ótimo volume e que deu pra ler até bem rápido, para um mangá que continua tendo muita narração expositiva.

– Amanhã teremos mais reviews.

Então é isso. Comentem o que acharam do volume e da review, se gostaram ou não, podem comentar. Mandem críticas e sugestões, caso tenham. E até a próxima pessoal.

Curta o Otaku Pós-Moderno no Facebook | Siga o Otaku Pós-Moderno no Twitter

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s