Versão Brasileira: 20th Century Boys 18 – Panini

Oi pessoal, tudo bem? Tem mais 20th Century Boys no blog pra ficar em dia, ainda mais que falta tão pouco. Vamos nessa?


20th Century Boys Volume 18

Depois da surpresa que tivemos no final do volume 17, voltamos inicialmente ao núcleo do Ochto e da Kanna, onde vemos mais conflitos de personagens e algumas questões sendo respondidas.

A surpresa do volume 17 acaba indo de encontro ao policial Chono, aquele mesmo garoto bem intencionado e atrapalhado que acabou se envolvendo com a Kanna. No volume anterior nós vimos que ele acabou sendo transferido para o norte do país e ficar de guarda em uma fronteira que ninguém passa e que disseram que era pra impedir invasão alienígena e onde por lá tem uma população na miséria e que ainda por cima tem que plantar pra um gordo rico que só ostenta e tem a polícia na mão.
Não precisa ser um gênio pra explicar o que isso significa, né?

Depois de ter lido 18 volumes e só agora enquanto escrevia que parei pra concluir e escrever sobre isso. Um fator diferenciado de 20th Century Boys é o espírito hippie, do rock, que tem o idealismo dos anos 60, a rebeldia, mesmo querendo resolver as coisas na paz, e vemos muito isso nos protagonistas, o que ficou mais destacado nesse volume. Não só a referência ao Yoshitsune em querer só resgatar os presos políticos e não partir para a guerra, como a cena icônica (agora não tem jeito, vai ter que ser com spoiler, ainda mais pela capa) do Kenji de volta à história no meio de um bando de policiais apontando a arma pra ele, ele tocando o violão dele. É uma representação dos anos 60 contra tudo aquilo que eles temiam.

Essa parte do Kenji é sem sombra de dúvidas uma das melhores de toda a história do mangá. Tanto pelo retorno surpreendente dele, quanto pelo momento no qual ele teve que voltar, quanto pela necessidade da volta dele, sem falar que é a esperança que a resistência precisa para poder partir para a conclusão dessa luta.

Outro ótimo momento foi o final. Já era esperado que o Manjome fosse guardar rancor por ter se sentido deixado de lado pelo Fukube, mas não que ele fosse querer se juntar com os protagonistas. Além é claro desse volume ter também terminado com mais um plot twist dos grandes. Cada vez mais se aproximando do final com mais momentos impactantes, está muito bom de se ler.

Comentários Finais:

– Perdão pelo atraso, é que eu fiquei doente e só deu pra postar agora.

– Essa semana vou tentar repor o máximo possível, já que a minha faculdade tá ocupada.

– Mais uma vez 20th Century Boys nos contemplou com outro excelente volume.

– O trabalho da Panini se manteve regular.

– Não deu pra ir pra CCXP mas eu fiquei muito feliz com os anúncios da Panini e parece que a JBC tá começando a resolver o problema do papel.

– Esse anúncio de hoje do spin-off de Rurouni Kenshin é um mangá que eu vou comprar porque sou fã, mas não vi motivo pra tanto alarde por parte da JBC.

– E muito obrigado por terem feito a página do Facebook chegar a mais de 100 curtidas. Estou muito feliz com isso, agradecer em especial ao Lucas do Manchete Otaku que nos deu uma senhora força divulgando a nossa página pelo Facebook. Valeu mesmo cara, e também agradecemos a todos os que curtiram a nossa página. Vocês são um baita incentivo pra gente.

Então é isso. Comentem o que acharam do volume e da review, se gostaram ou não, podem comentar. Mandem críticas e sugestões, caso tenham. E até a próxima pessoal.

Curta o Otaku Pós-Moderno no Facebook | Siga o Otaku Pós-Moderno no Twitter

Anúncios

2 comentários sobre “Versão Brasileira: 20th Century Boys 18 – Panini

  1. Manchete disse:

    O volume em si foi bem legal, e é uma resposta lógica para o amigo ainda estar vivo, será mais legal se fosse o Fukube sim mais seria algo muito fantasioso e falar que o amigo atual é outra pessoa é muito mais legal. Quem será??? Estou acompanhado pela Panini o mangá volume por volume. Sento um pouco de tristeza por não ter comprado Monster e agora não da mais… Se lançarem Pluto eu compro!!!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s