Versão Brasileira: Berserk 5 – Panini

Vamos continuar com os comentários da melhor saga desta obra?

Ok! Eu ainda não li as sagas posteriores pra afirmar dessa forma, mas convenhamos que é uma unanimidade entre os fãs de Berserk.

Berserk Volume 5

Já começamos o volume com o final da batalha do Bando do Falcão. Guts é emboscado e quase vira farinha, mas é salvo por Griffith e os outros (CDZ). A personalidade de Guts é trabalhada de forma cirurgica. Momentos “bobos” de comemorações e festas refletem bastante o trauma que o protagonista tem de ficar muito próximo as pessoas. Ele chega a machucar Pippin quando é carregado forçadamente para que se junte aos demais. Mas Griffith é tão carismático que apenas a presença dele já acalma Guts e essa desconfiança que ele tem de todo mundo desaparece um pouco.

Três anos se passam e acompanhamos o crescimento de Griffith, que ganha título de visconde e o Bando do Falcão, que vira parte do exercito real. Com a promoção de Guts a comandante de uma divisão do bando, Caska fica muito mais chata. Apesar de ela estar certa em dar o sermão em Guts, falou mais do que deveria por conta do seu ódio causado por ciumes que sente de Griffith. O lado bom do sermão tomado pela Caska foi ver o companheirismo de Guts com seus subordinados se fortalecendo e deixando ele irritado por vê-los morrendo na mão do monstro Zodd, o Nosferatu.

O fato interessante dessa luta é que vemos a primeira vez em que o corajoso Guts entra em desespero, sendo obrigado a se manter na defensiva. A sua força e habilidade não eram o suficiente para derrubar aquele ser sobrehumano. Só sobravam o medo e a esperança de sobreviver. Não dá outra. O príncipe no cavalo branco Griffith aparece para salvar Guts, mas é fácilmente nocauteado e Behelif é visto por Zodd. Mesmo que pedra tenha o poder de abrir o portal dos God Hand, é estranho ver um monstro absurdo como o Nosferatu desistir da batalha imediatamente.

Comentários Finais:

– Os God Hand devem sem absurdamente fortes, mas não temos muitos personagens pra medir força até agora. A nível da força deles é uma incógnita ainda.

– Acredito que o motivo do Griffith passar pro lado dos God Hand esteja bem próximo. Ele está meio distante de seus companheiros e parece que até Guts esteja sentindo isso.

Então é isso, pessoal! Comentem o que acharam do volume e da review, se gostaram ou não, podem comentar. Mandem críticas e sugestões, caso tenham. E até a próxima pessoal.

Curta o Otaku Pós-Moderno no Facebook | Siga o Otaku Pós-Moderno no Twitter

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s