Versão Brasileira: Rurouni Kenshin 25 – JBC

Olá pessoal, estamos aqui com mais uma Versão Brasileira de Rurouni Kenshin, faltando pouco para terminar, então vamos nessa.

image

Rurouni Kenshin Volume 25

E mais uma vez Yahiko se destaca de uma maneira que não se via antes nesse volume. É sério, minha admiração e respeito pelo Yahiko aumentou muito depois de ler essa saga. Além dele ser aquele que tem o comportamento mais próximo de um samurai, ele também se mostrou o mais persistente de todos, o mais otimista, uma força de vontade que não se compara com a dos outros personagens. Eu gostaria muito que no futuro o Watsuki fizesse uma continuação de Rurouni Kenshin com o Yahiko como protagonista. Seria uma história que poderia ser bem legal, além de que Watsuki só soube mesmo fazer Rurouni Kenshin, melhor investir no que deu certo do que sair dando tiro no escuro e errando como fez depois.

Mas voltando ao volume, muito empolgante, a coragem do Yahiko, até as ideias para quem ainda é um menino, foram muito boas. Não saiu enfrentando o Kujiranami só com vontade heróica, como ele sabia que era mais fraco, que ele estava enfrentando um homem com uma arma de fogo gigante no braço, ele pensou e também organizou os policiais para isso.
E claro que isso rendeu uma luta bem violenta, sofrida e que só foi decidida com a ajuda de um Kenshin que decidiu voltar a viver.

Sobre Kenshin, eu me surpreendi com o modo como Kenshin se recuperou. Watsuki fez Kenshin pensar sobre tudo o que fez na vida, que o propósito dele de tentar fazer o bem e pagar pelos seus pecados é algo que ele não pode fugir. Me surpreendeu porque eu achei que alguém fosse falar para ele que Kaoru estava viva e partir pro retorno clichê, mas não, foi um retorno bem diferente do comum.

E claro que o fim da luta contra o Kujiranami foi ao estilo do Kenshin. Foi tudo aquilo que se espera do Kenshin e acaba sendo um modo de espiar pelos seus crimes. Mais importante que derrotar o inimigo, é acabar com a sede de vingança deles, e Kenshin mais uma vez fez isso muito bem.

Agora o que nos espera é ver o que vai acontecer com Sanosuke no próximo volume.

Comentários Finais:

– Cada vez mais bate a ansiedade ao saber que o mangá já está acabando. Lendo o mangá eu tenho certeza de que é um dos meus favoritos.

– E não é que o velhinho é o pai do Enishi? Eu jurava que fosse alguém como o Okina disfarçado. Mas interessante ver o pai de Enishi e Tomoe fazendo de tudo para que Kenshin se levantasse.

– Esse volume foi mais um que foi ótimo. Vale muito a pena ler o mangá de Rurouni Kenshin, ainda mais pelas diferenças com o anime e de ter esta última saga.

Então é isso. Comentem o que acharam do volume e da review, se gostaram ou não, podem comentar. Curtam a nossa página no Facebook, mandem críticas e sugestões caso tenham. Até a próxima.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s