Review Naruto 681: Kaguya’s tears

Kishimoto chutou o balde!

Review Naruto 681: Kaguya’s tears

Semana passada eu falei sobre a perda dos rumos de Naruto depois do arco do Pain e o capítulo dessa semana acentuou isso. À la Aizen, Kishimoto joga na nossa cara que TODA a sequência de acontecimentos do mangá foi orquestrada pelo Zetsu negro com o objetivo de reviver sua “mãe”, Kaguya. Sim, meus amigos, temos que engolir que a treta dos Uchiha com os Senju, a criação das bijuus, o plano de Obito, a perseguição de Madara pelo poder(da qual ficamos sabendo que o Uchiha simplesmente aprendeu e usou o Izanami segundos antes de morrer, em mais uma “explicação” bizarra), tudo isso foi premeditado por um personagem que nunca deu o mínimo sinal disso. Ele teria ainda alterado o texto escrito na pedra pelo Rikudou Sennin. Haja paciência.

O capítulo foi basicamente essa explicação dada pelo próprio Zetsu enquanto tentava sugar os chakras de Naruto e Sasuke a mando de Kaguya, que demonstra uma personalidade controladora, exigindo a volta de seus “filhos” pra casa levando seu chakra de volta. No fim, Naruto se revolta e naturalmente não aceita que tal história seja a verdade. É, Naruto…Tamo junto.

Ainda rola um suspensezinho barato de novo com o “Vamos ter que usar aquela técnica” dito por Naruto. Fim de capítulo.

Comentários Finais:

– Tá complicado, hein? Acaba logo esse mangá antes de bagunçar mais, Kishimoto.

– Lembrando que os hokages não foram pegos no Tsukuyomi, eles ainda devem entrar na batalha.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s